terça-feira, 27 de outubro de 2009

A Limpeza...


Dia de arrumação.
Esfregar os pratos sujos com detergente aroma de limão, esponja áspera para os pratos, macia para os copos, palha de aço para as panelas. Enquanto organizo meu mundo exterior, aqui dentro, meu mundo interior volta para o lugar, meus pensamentos se tornam claros e areados.
Varrer o chão, sentimentos ultrapassados varridos para fora, poeira sendo levantada e jogada fora, assim como meus medos e minha ansiedade, arejando os quartos, arejo minha mente. A cada roupa dobrada, desfazendo a pilha caótica de calças, camisas e shorts, catalogo meus pensamentos mais preciosos, coloco para lavar as peças de vestir e as idéias por vir.
Os livros são limpos com carinho, são alimento, os filmes empilhados com esmero, o pasto de minha mente deve ser conservado com cuidado. Passo pano limpo no chão, misturo a água um pouco de alfazema, para espantar os maus fluidos que por ventura meu mundo captou e em um “ritual de banimento” limpo casa e mente.
Reciclo o lixo, águo as plantas e propicio vida, assim, as raízes dos meus pensamentos, que pressentindo este gesto, vivas, colorem minha cabeça.
Hoje eu e minha casa cheiramos a limpo.

8 comentários:

Clarissa B. disse...

Tomou banho hoje né??? Diz a verdade.. banho só aos sábados mas hj vc abriu exceção.. hehehe

Molhou nossa orquídea??? Cresceu desde a última vez que a vi??

Tirou a foto da Valentina de laço???

Chambao quem me passou foi vc... várias... e hj estava ouvindo algumas... claro, lembrando de vc querido... =)

Nivaldo Vasconcelos disse...

que fofooooooooo!!!!!!!
tirei sim
ela está uma lástima de feia hehehehehhe!

Clarissa B. disse...

Feia nada... deixa minha orangotanguinha em paz.... ela é uma gatinha... isso sim.....

Ah, vic tbm tomou banho hj... mas tá mesma coisa de sempre... com menos cheiro de fandangos....

Clarissa B. disse...

E vê se entra no msn alguma vez na vida q eu ando com saudade de papear....

Moni disse...

Ha você me fez lembrar da minha montanha de roupa pra lavar srsrrsrr
Droga ainda num tive tempo
=/

bjos

Cassiano Stahl disse...

Querido Nivaldo:

Delicada limpeza que areja os varais de um cérebro acostumado a pensar incessantemente. Pude ver a poeira de tempos e a fulgurância de memórias doces - e também amargas - levantando na passagem da piaçava sobre o chão. Se delicadas alfazemas te abençoaram o lar, envio-te - em um tanto de ar e mar - o azul de que tanto precisas para teu repousar.
Te veste em seda ou linho.
Deita ao vento, na beira do caminho.
Deita ao som da lavanda a ressoar
uma canção ditada em versos de ninar
no azul aniz do carinho que te envio - em meu mar...
abraços
Sr. Stahl
PS: também curto teus escruitos pra dedéu... fazer o que? Pedagogia da Suplicy: relaxa e goza, baby...

Sentimental ♥ disse...

essas limpezas são boas né, deixam a alma mais leve.
bjs

Lari (larissakarvalho@hotmail.com) disse...

É amigo... feng shui na alma é mais cansativo (e em alguns casos, mais doloroso) do que faxina na casa!

Antialérgico pra alma, pq é quase certo a gente espirrar com a poeira causada na hora dessas limpezas... :o

Adorei o texto, como sempre!!!

Beijo