terça-feira, 20 de outubro de 2009

Uma estranha particularidade N°2 - Gafes



Eu tenho a péssima mania de cometer gafes!
Sou um mestre na arte de pagar micos! Eu sei que parecerá uma anedota, bem que eu gostaria, mas não é!!!
O pai de um amigo de escola faleceu, recebi um telefonema com a péssima notícia e sai apressado para o velório, afinal, ele provavelmente precisaria de uma mão amiga naquela hora, antes eu tivesse ficado onde estava. No meio do caminho achei outros amigos da escola, juntei a procissão e rumamos altivos de encontro a terrível situação que é a morte de um ente querido. Durante o caminho, a cada passo dado, eu repetia mentalmente o que deveria dizer a viúva e ao seu filho, meu amigo, e era algo como, “Meus pêsames.”, “sinto muito a sua perda.”, “Estou aqui para o que der e vier.”.
Chegamos, fiz a minha melhor cara de luto e adentrei no velório, o caixão estava na sala, aberto, as pessoas choravam, ao lado do caixão estava a viúva, completamente arrasada, eu cruzei a sala e fui em sua direção, obstinado, e o que eu fiz... Na hora não consegui conter o nervosismo, antes tivesse ficado parado, ali na soleira da porta e continuado com minha cara de panaca, mas não, corajosamente continuei e então as palavras sumiram repentinamente, a única coisa que consegui fazer foi sorrir (como alguém sorri numa hora dessas?) e simplesmente ao me aproximar da viúva dei dois beijinhos na sua face e com tom casual falei “Oi tudo bom? COMO É QUE VOCÊ ESTA?”... Minha gente! Até hoje não consigo esquecer a vergonha pintando minha cara de vermelho, ela olhou para mim atônita, ficou completamente sem fala, ela só fez um gesto nervoso com a cabeça, e pediu amparo ao parente mais próximo que a abraçou consolando seu choro, e como se não bastasse, fui até o caixão, olhei o falecido, e não me contive, tive uma crise de riso, quando fico nervoso ou tenso desato a rir. Retirei-me as pressas, nem vi meu amigo, mas com certeza ele me perdoou a ausência, até hoje cruzo com sua mãe... Obviamente não nos falamos.
Outra boa no meu repertório é a mania desgraçada de reparar nas coisas mais constrangedoras para os outros ou dizer asneiras impensadas, como: “Você ta grávida?”, “(secamente) Não.” Ou “quantos anos? 55?!!! Nossa está conservada!”, tem coisa pior do que chamar alguém de conservada? Você naturalmente insinua que a pessoa é uma múmia ou algo assim, nunca digam isso, pode até parecer simpático, mas não é. O pior (ou melhor) é que isto sai com uma espontaneidade tão sincera que faz com que algumas pessoas me perdoem no ato. E realmente não percebo, só depois de tê-lo feito. Estou melhor, venho participando do MA, dos Malas Anônimos, e a cada dia venho aprendendo a ser menos inconveniente.
Rezem por mim!

10 comentários:

L. disse...

Faço 29 na próxima quarta e se vier com um "tá conservada!" eu juro que nunca mais falo com vc.
Juro.
rsrs
Um beijo,
L.

Rossana Fernandes disse...

Noooooooooossa.
Medo de te encontrar na rua.
Medo..rss
Adoro seus comentários.
Adoro
E sim, espero que tudo mude na minha vida. Vai mudar. Mas só falo sobre isso em dezembro...rss
Bajos...rss

Moni disse...

que mico, não é o king kong rsrsrrsrs, ah mas deixa disso, tambem sou a rainha dos micos, ja to ate encalisada nem ligo mais rsrsrsr

PS. adorei as dicas e vou ver todos, e tambem postar sobre cad um, tava com dificuldae de encontrar filmes do genero, obrigadinho.

bjos
boa noite

Anônimo disse...

CARALHO. Tu conseguiu fazer isso num velorio, meu, tu é sem noção né? adoro seu blog, escreve bem pacas, deve ser para compensar os micos!

Sentimental ♥ disse...

"Oi, como vc está" é instinto e todo mundo fala, duvido que alguém nunca tenha falado isso num enterro, sem querer mesmo, só pq saiu, por isso, não se preocupe, mas uma 'amiga' minha teve a habilidade de chegar pro viúvo, no velório lotadooooo e dizer em alto e bom som: 'Meus parabéns, felicidades!'.
bjs

Clarissa B. disse...

huahau... isso acontece meu amigooo...

Saudadees sem fim!!

Rafa disse...

Ai ai Yorick... Se não te conhecesse diria até que era um conto literário...

Mandy disse...

Também tenho essa péssima mania... rs Eu pareço até um imã para pagação de mico!
Agora o pior é quando se fica nervoso começar a rir, assim como você. Uma amiga minha também passa por isso. É cada situação constrangedora q já passamos... rsrs

BjO

Anônimo disse...

Eu já sabia dessa história! rsss
Tá sumido, hein?

Beijos da cunhada :)

Rafa disse...

Soh lembrei de você... http://www.youtube.com/watch?v=YUZLTtUsw10