segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Quando meus olhos se dilataram eu vi!


Hoje tive uma experiência sensorial! Fiz consulta oftalmológica, a médica pingou uma gota de seu colírio e vinte minutos depois...BUM! Dilatação completa da minha pupila, após averiguarmos que tenho uma visão perfeita, fui jogado no mundo com minha nova visão, uma visão dilatada!
Tudo ganhou novas cores, parecia que os ambientes estavam tomados por uma bruma espectral, as luzes dos faróis se espalhavam de uma maneira transcendental, percebi como a visão é um sentido importante, agora entendo quando as pessoas choram depois de verem que a cirurgia de miopia funciona! Enxergar bem é uma dádiva.
Já tentei expandir minha mente de várias formas, espiritualmente, quando da vez que participei de um ritual xamânico em uma tenda do suor e jejuei por dois dias, tentei expandir minha mente com narcóticos, Santo Daime, Oaska, LSD, todos eles me trouxeram uma iluminação imediata, porém não utilizável para minha vida. Talvez esta experiência “dilatadora” de hoje também não permaneça em meus dias, mas com certeza fez diferença no meu hoje, ficar sem enxergar direito me causou um processo catártico, questionei sobre pontos de vista, sobre a deturpação das coisas e a maneira de enxergar os outros, precisei da ajuda das pessoas para ler o letreiro luminoso do ônibus, consegui imaginar como uma pessoa que não enxerga bem vê as coisas, foi retirada de mim, momentaneamente, a clareza da minha visão. Senti-me vulnerável e estranhamente gostei desta experiência, gostei quando minha visão começou lentamente a voltar ao normal e então fui valorizando a cada momento, a cada coisa já não embaçada, a vista saudável que tenho.
Sou um observador, munido de poderosos instrumentos, os meus olhos. E hoje, esses olhos foram iluminados pela dilatação!

7 comentários:

Rafa disse...

Meu amiguinho, de volta a nossa terra. Realmente essas experiências, se nos permitimos, são bem marcantes. Passei a ter uma percepção diferente sobre os deficientes graças a essas coisas. Como você bem sabe, tenho sérios problemas de coluna o que, quando em momentos de crise, me faz lembrar como é dura a vida daqueles que dependem dos outros. Quando preciso de ajuda para levantar de um vaso sanitário fico imaginando quem vive com isso todos os dias. Que esta experiência, muito melhor que as nossas alucinógenas, lhe permita sempre que visualizar alguém em iguais condições, refletir e sensibilizar com a dificuldade alheia. O mundo seria bem melhor se todos fizéssemos isso.

Clarissa B. disse...

As vezes precisamos de situações assim, tão simples... pra dar valor ao que temos e ao que realmente importa...

Bjo.

Danton K disse...

pra mim ela pingou foi outra coisa no seu olho...

Anônimo disse...

Adorei seu blog!!!!! Muito inteligente.

Lari (larissakarvalho@hotmail.com) disse...

concordo c a Clarissa... se a gente prestasse mais atenção nos pequenos detalhes do nosso dia-a-dia, tudo faria mais sentido e a gente certamente se decepcionaria com menos bobagens!!!

bjo

Trovador Solitario disse...

Achei! E veja uma pequena parcela do que você perdeu...

http://www.mbbforum.com/mbb/viewtopic.php?t=27095&start=0

vida cotidiana disse...

Olha achei muito engraçado sua história experiência de momentos sem ver direito. Vivo isso desde que nasci, sou míope com 5 graus em cada olho. como não sei o que é enxergar sem óculos, toda vez que dilato a pupila é com a visão ficasse só um pouco pior. Cada dia que consigo enxergar mesmo de óculos agradeço muito.