sexta-feira, 30 de outubro de 2009

O Replicante...

Fui surpreendido ontem com um comentário aqui no blog.

"Anônimo disse...
Existe sempre um momento que precisamos descansar a mente. A tristeza só não deve superar os momentos de alegria. Te vi hoje andando pela praia mas tive medo de me aproximar.Tenho saudades suas todos os dias, de nossas conversas e do seu sorriso lindo, do café forte que você faz e da manhã em que acordei do seu lado.
Ainda te adoro
Ass. Você sabe quem."


Não posso deixar este comentário sem resposta e resolvi dividir com vocês caros leitores a réplica:

Sim, sei quem você é.

Me perguntei durante vários meses o que tinha acontecido a sua pessoa. Quando se deu nossa última conversa, você iria embora, dar aulas em algum lugar distante, ou foi essa sua desculpa. Fiquei triste durante algum tempo, triste não, devastado, sumiu do meu semblante aquela luz que as pessoas notavam, aquele viço de noite bem vivida e dos meus olhos secaram o brilho ingênuo que sua presença colocava neles. Mas isto foi a algum tempo, como você bem sabe, assim julgo, não tenho vocação para o pranto, o viço se refez, a luz se acendeu e os olhos voltaram a brilhar por tesouros mais novos e descobertas mais insólitas. Vivemos algo muito bonito, sempre serei grato. Mas deu-se o fim inevitável.

Não tenho mais saudades, de nossas conversas não sobrou eco, apenas silêncio, o sorriso... este continua aqui. Ainda sei fazer aquele café forte que você tanto gostava, e sobre as manhãs, estas nunca saberá, já que escolheu não acordar mais do meu lado.

Continue evitando-me, fuja de minha presença, deve ser difícil confrontar a culpa e as mentiras.
Enquanto a vida, esta anda bem, sem você.

Ass. Nivaldo Vasconcelos

11 comentários:

Rafa disse...

Kkkkkkkkkkk. Sempre apreciei a sua sinceridade... Por isso você é meu amigão e como tal tenho a liberdade de te dar um conselho. Lembre-se do princípio da dignidade humana... Meu fio, depois de uma dessa, a pessoa deixou de ser gente. Mais elgancia no trato... A verdade é como uma pedra, quanto mais polida mais bonita e, se jogar com força machuca.

Ass: Você sabe quem...

Rafa disse...

PS: Assim você está alimentando o lobo mau. kkkkkkkkkkkkkk

Clarissa B. disse...

Assim.... sem palavras... falar mais o q né???

Bjo.

Sr. Stahl disse...

Realmente...
sem comentários. Que delícia ser honesto conisgo mesmo...
embraces
Sr. Stahl

Nivaldo Vasconcelos disse...

Sr Stahl amo sua presença aqui, amo ver essas linhas cheias de pensamentos e embraces, adoro este Sr Stahl disse...
Volte, volte e volte.

Sasha Portrait disse...

eu concordo com o rafa, no entanto de vez em quando é necessário que a verdade seja forte, pois a sua dignidade também pode se traduzir na sinceridade.

adorei o blog, =]!
beijos, vou voltar.

L. disse...

Adorei.
Faça sempre isso, pois quem vive de passado é museu.
MUSEU, sacou?!
Um beijo,
L.

3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada disse...

BRAVO!!!!!! BRAVÍSSIMO!!!!!!!

Amei, arrasou, acho é pouco, hahaha!!!!

Beijão, saudades sempre e ótimo feriado procê,

Bela - La Divorciada

Sentimental ♥ disse...

a verdade precisa ser dita, doa a quem doer...
bjs

Sal disse...

Nunca soube se imprestável arrependida e saudosa prestava!!

Amo seus escritos, mesmo quando ele vem com uma pontinha de dor!!
bjo

. marina . disse...

Nuss! Acho digno, baby!
Esse negócio de ficar lamentando o que não foi. Se não tem coragem de viver, não saia de casa, mas não fique indo cutucar quem tem. super sua fã, eu! rs